Acessibilidade

A + A A -
Sexta-feira, 20 de Novembro de 2020 19:34 - Saúde

Comitê Municipal decide encaminhar recurso da bandeira vermelha

 

O Comitê Municipal de Atenção ao Coronavírus, instância paritária e com representação da sociedade civil, em reunião realizada na tarde dessa sexta-feira, dia 20, para avaliar os indicadores do município e discutir as medidas de prevenção, São Leopoldo decidiu que irá recursar e encaminhar junto a Associação dos Municípios do Vale do Rio dos Sinos (Amvars) contestação em relação a classificação de bandeira vermelha no Modelo de Distanciamento Controlado.

 

Ainda que a classificação não altere as regras vigentes em São Leopoldo, que está no sistema de cogestão regional, que permite as regras da bandeira laranja mesmo na classificação de bandeira vermelha, ela impacta nas escolas infantis que estão em funcionamento no município. O encaminhamento técnico do Comitê e que será apresentado ao Estado, com base nos dados de controle da pandemia, é que São Leopoldo já testa os profissionais que atuam nas escolas e irá ampliar essa ação, assim como reforçará o monitoramento desses estabelecimentos pelo COE-E Municipal. O entendimento é por manter abertas as escolas que já estão funcionando, com protocolos sanitários já aprovados e execução.

 

Voto de confiança pela seriedade do trabalho

Ariane Escobar, da Escola Canguru, que participa do Comitê, entende que esse foi um voto de confiança no trabalho das escolas. “Com a parceria que tivemos com a Prefeitura, conseguimos mostrar a seriedade do nosso trabalho em relação à covid-19, fortalecendo as ações de prevenção nas escolas e com isso auxiliando São Leopoldo no combate à pandemia, nossas escolas hoje são locais seguros, com testagem de profissionais e sem registros de surtos”, destacou Ariane.

 

“Mantivemos toda a estrutura de combate ao covid funcionando em São Leopoldo, bem como ampliamos as ações de prevenção, construindo protocolos com os diversos segmentos. Estamos diminuindo a subnotificação porque testamos cada vez mais”, explica Murilo Amatneeks, secretário-executivo do Comitê de Atenção ao Coronavírus

 

Comitê Municipal de Atenção ao Coronavírus

O Comitê é formado por órgãos do governo municipal, entidades da sociedade civil como a Acist-SL, o CDL, o Sindilojas, o Pólo Gastronômico, além de representações do COE-E Municipal, das escolas infantis, academias e espaços de festas e eventos. O Comitê tem como competência elaborar, acompanhar, monitorar e avaliar as medidas a serem empregadas pela Administração Pública durante a calamidade pública; elaborar relatórios e pareceres sobre as ações administrativas em curso relacionadas à pandemia, a serem apresentadas e comunicadas regularmente; divulgar a população orientações e informações relativas à emergência de saúde pública, bem como fomentar campanhas de ações preventivas; e monitorar os indicadores da pandemia periodicamente.

 

[Foto: Jéssica Mumberger | Texto José Luís Zasso - Jornalista MTb: 17.341. | Scom/PMSL]

Editorias
Prefeitura Municipal de São Leopoldo
Av. Dom João Becker, 754. Centro. CEP: 93010-010. Fone: (51) 2200-0201
Horário de atendimento: 9h às 14h