Acessibilidade

A + A A -
Quinta-feira, 19 de Novembro de 2020 23:59 - Direitos Humanos

Mês da Consciência Negra terá atividades a partir desta sexta-feira, 20 de novembro, Dia Nacional da Consciência Negra



A Prefeitura de São Leopoldo, por intermédio da Secretaria de Direitos Humanos (SEDHU), em parceria com o Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial (CMPIR), Conselho Municipal de Povos Tradicionais de Religião de Matriz Africana (COMPOTMA) e a Unisinos abrem o Mês da Consciência Negra nesta sexta-feira, 20 de novembro.


Nesta data, em que se marca o Dia Nacional da Consciência Negra, está programado o lançamento do vídeo: "Grito por consciência, justiça, resistência e humanização". A transmissão será às 17h nas redes sociais da SEDHU. O título também é tema da programação de 2020. Estão previstos onze dias com lives sobre diferentes temas como religiosidade, empreendedorismo e atividades culturais com música, poesia e exposição de arte. O encerramento será no dia 30 de novembro. Mais detalhes da programação serão divulgados em breve.

 


“O Mês da Consciência Negra marca a luta, a história e a resistência do povo negro e comunidades tradicionais. Através desta ação buscamos garantir direitos e políticas de promoção da igualdade racial e da liberdade religiosa, fortalecer a discussão sobre racismo e igualdade racial, promovendo atividades culturais, debates, entre outras”, destaca o secretário de Direitos Humanos, Eduardo Moraes. Para o prefeito Ary Vanazzi, “os negros e negras fazem parte da nossa sociedade e da nossa cultura, e queremos em São Leopoldo seguir construindo uma cidade com respeito e que seja inclusiva”.

A chefe do Departamento de Igualdade Racial da SEDHU, Adriângela Cabral da Silva, contextualiza a história do dia 20 de novembro, data da celebração da Consciência Negra e lembra que municípios brasileiros fazem feriado neste dia. “A Consciência Negra é o reflexo de uma luta dos ancestrais e do movimento negro pela igualdade de direitos e também um resgate histórico”, salienta ao destacar a importância da programação no município para conscientizar a população em relação aos anos de escravidão. “Conscientizar que todos nós somos seres humanos e erradicar definitivamente o racismo e o preconceito”, ressalta.

Ao lembrar a escolha da data em memória de Zumbi, o líder do Quilombo dos Palmares, que foi morto em 1695, Adriângela afirma que “a Consciência Negra foi criada para dar voz aos negros e ressaltar a sua luta contra a discriminação racial. É muito importante refletirmos sobre a posição da população negra na sociedade, já que sofre preconceito até hoje”, enfatiza. “A contribuição do povo afro-brasileiro para a construção do nosso país é tão importante quanto a de cada cidadão, e valorizar todas as culturas é entender o que cada uma delas nos dá”, frisa.


Programação do Mês da Consciência Negra 2020 - "Grito por consciência, justiça, resistência e humanização "

*Sujeita a alteração. Será atualizada na página da SEDHU no Facebook. 

20/11/2020
17h- Lançamento do vídeo: "Grito por consciência, justiça, resistência e humanização"
SEDHU no facebook:

LIVE "Pacto pela vida das Mulheres"
14h - SEPOM.

LIVE "Tolerância significa mais do que respeito", 18h  - SEDHU.

LIVE "Racismo e intolerância religiosa" 20h  - COMPIR

21/11/2020
Documentário: " Crenças a Céu Aberto"
18:30 - SEDHU

22/11/2020
LIVE "Religiosidade"
20h- COMPOTMA

23/11/2020
LIVE " A luta antiracista através da presença"
14h -UNISINOS

24/11/2020
LIVE "É preciso ir além do repúdio moral".
20h - SEDHU

25/11/2020
LIVE "Empreendedorismo"
20h – COMPIR

 

[Texto: Vanessa Bueno. Jornalista - Mtb 11.299 | Scom/PMSL]

Editorias
Prefeitura Municipal de São Leopoldo
Av. Dom João Becker, 754. Centro. CEP: 93010-010. Fone: (51) 2200-0201
Horário de atendimento: 9h às 14h